.
.
.
.
.

sábado, 25 de abril de 2009

de queijos e goiabadas


Estive pensando sobre um conceito ingrato por natureza: perfeição.

"Ninguém é perfeito", "a perfeição fede", tem-se raiva de pessoas perfeitinhas, não existe crime perfeito e por aí vai.

Ok.
O que eu vejo no mundo contraria um pouco isso. Queijo, por exemplo, fica perfeito com goiabada...



Mas aí também eu tô apelando, porque queijo é perfeito por si só. Aliás, queijo e perfeição deveriam ser palavras sinônimas (aqui até rolava de fazer uma piadinha com fedor e tal, mas eu não ando muto engraçadinha e a piada ficaria ruim). O fato é que as coisas podem se combinar perfeitamente: a surdez de um com a voz de volume incontrolável do outro; feijão e arroz; excesso de autoridade e submissão; boa voz e bom violão; gosto pelo mesmo tipo de filme/música/peça de teatro/boteco e a lista é interminável.

Mas perfeição não deveria ser um conceito flexível, creio eu. Mas é, creio eu (várias outras coisas não são o que deveriam ser).

Pensei muito nesse negócio de ser perfeito... oi? Todo mundo tem defeitos (o meu é essa modéstia que me consome) e as pessoas podem não se importar com eles. Vez em quando a gente até acha bonitinho. Quando se opta por agregar uma pessoa à vida da gente, defeito vem no pacote. Tentar ser perfeito - ou ser o melhor possível - é plausível, bastante louvável e é uma dessas coisas bonitinhas, mas perseguir isso com afinco demais pode ser cruel, se não tiver limites.

Tive uma conversa twítica sobre o assunto essa semana. A primeira mensagem é minha e foi respondida por uma pessoa só:

"Só me pergunto por que é que as pessoas não entendem que a gente possa aceitar os defeitos delas."

"Porque ninguém é lá muito dado a apostas tão altas. Tá pra nascer o comerciante que mostra os defeitos do peixe na venda... =)"

"Mas e se a gente já sabe os defeitos do peixe e ainda assim quer comprar? É isso que me deixa bolada."

"Daí só Jesus na causa, irmã. Tenha fé e reze a novena. Acenda uma vela pra Santo Expedito e aguarde cinco dias úteis. =)"

"É, Xuxu, só Jesus na calça... =P"

Colei a conversa (e deu um trabalho da-na-do recuperar essas mensagens de dois dias atrás) pra mostrar o início do meu raciocínio. E pra encher um pouco de lingüiça (treeeema!) também.

Não cheguei a uma conclusão ainda e tô aceitando sugestões.


A única (minha) verdade absoluta nessa história é que algumas coisas se casam perfeitamente com outras, mesmo tendo - e eventualmente por conta dos - defeitos. Vejamos a goiabada, por exemplo...





*Ando auto-ajuda demais, né?
Tô parando!


9 comentários:

Bowler Hat Strange Guy disse...

Mayra, eu não acredito em defeitos.

Também não acredito em virtudes.

Eu acredito piamente em CARACTERÍSTICAS.

A gente tem de achar aquelas que mais se aproximam do que a gente é capaz de suportar.
A partir daí, achamos a pessoa certa.

Mas me diz uma coisa: você acredita mesmo nessa lenda de "a pessoa certa"???

Eu não.

Procuro ser feliz.

Se não der, tentei. Com todas as minhas forças. Mas tentei. E fui muito feliz tentando, isso já posso dizer antes mesmo do meio do caminho.

Espero que você diga o mesmo. Hoje, amanhã e SEMPRE.

E se depender de mim, pelo menos um tiquinho disso já tá garantido nas tuas falas no roteiro dessa grande peça.
É tudo uma questão de eu me pirulitar pro cerrado assim que a marida do verbo der carta branca...

Lamento, mas eu honro minha palavra de canastrão.

Do melhor jeito possível.

;)

Beijos, Mayra. E Deus te proteja de mim e de minha canastrice!
Hahahahahahaha

;*****

Joyce Pfrimer disse...

É! Já pensei sobre essas coisas em algum instante da minha vida...Acho bom quando vc fica assim tão refelxiva! Me dá vontade de filosofar nos comentários! haha!

Sou meio aversa à perfeição! Pelo menos o tipo de perfeição de todo mundo. Aliás acho que esse negócio é tão relativo...por exemplo: as minhas pessoas perfeitas tem tantos defeitos, os meus momentos perfeitos foram tão incomuns e esquisitos!
E ainda pra fechar e filosofar direito sobre essa relatividade, o melhor exemplo: a "teoria do queijo". Eu adoro queijo, e seria realmente perfeito, como é pra vc, se não me fizesse quase virar do avesso dps (quase sempre acontece)!

Que Deus nos salve da canastrice dos outros e da nossa própria canastrice! haha!

Beijo mayrocas!

solin disse...

a primeira:

a goiabada e o queijo, por exemplo: o queijo tem buraquinhos onde a goiaba se encaixa perfeitamente.

*só Jesus na causa? Pode ser também, como diz uma amiga minha, o Santo das Calças perdidas.
rs

continua...
(isso se tiveres saco para ler mais)

^^

Cachorro de 3 pernas disse...

Não falo de defeitos, afinal, não tenho nenhum ::P

Tati disse...

Eu acho que perfeição é um conceito muito amplo e vago. E concordo contigo que queijo é perfeito!!!! =D

quase disse...

Doce de leite Viçosa e queijo tb é uma combinação perfeita!

hmmm

=D

solin disse...

Viajei no FDS e levei a questão comigo.
concordo qdo vc diz que perfeição deveria ser um conceito flexível. perfeição não deveria ser uma qualidade (virtude ou coisa parecida) isolada. ela é derivada de algo chamado Equilíbrio. O equilibrio do doce com o salgado, "a surdez de um com a voz de volume incontrolável do outro; feijão e arroz; excesso de autoridade e submissão; boa voz e bom violão".

são nessas situações que a gente se dá conta de que, no final, as coisas se encaixam, por uma questão não de perfeição, mas do equilibrio natural da vida (é só observarmos ao redor para outros exemplos).

solin disse...

vc consegue me acompanhar?

cheguei à conclusão de que
por trás da perfeição existe o equilibrio, não sendo a perfeição algo aleatório, de graça.

Bowler Hat Strange Guy disse...

Acho tão bonito isso das pessoas te lerem com tanto gosto...

Porque convenhamos: é tanta coisa bacana espalhada na net que, quando alguém nos lê e começa a refletir a partir do que leu, das duas uma: ou escrevemos relevâncias, ou gostam muito da gente...

Sorte tem você, que padece desses dois!
Hahahahahaha

Beijos, Mayra!
E boa sorte no lidar com o carma que é ter tanta gente que te lê em silêncio pra quase poder te ouvir falando pelo texto...
:)