.
.
.
.
.

terça-feira, 24 de maio de 2011

das fugas



Ele tentou fugir.
Mudou de emprego, mudou de cidade, mudou de ares e mudou algumas atitudes.
A despeito disso, a sombra da insatisfação continuava ali, ao seu lado, cutucando, trazendo à memória todas as coisas que ele lutava para esquecer.
Percebeu que o problema não estava no emprego, na cidade, nos amigos, nos ares. Estava única e exclusivamente dentro de si.
E se apavorou.




No matter how much you run, you just can't hide from yourself.

4 comentários:

[balbina conspira] disse...

La guerra es por dentro...

Alana Ávila disse...

PAM!

Iandê Albuquerque disse...

da pra pensar.

Lhe espero por lá. beijos.
www.iandeee.blogspot.com

Anônimo disse...

http://www.Rapira-mir.ru/