.
.
.
.
.

domingo, 1 de julho de 2012

das mortes



Reza a lenda que algumas das músicas mais bonitas de que se tem notícia foram escritas para pessoas que morreram. A lenda [uma historinha interna com um amigo, na verdade], diz que Eddie Vedder tem picos de inspiração a cada morte e, embora seja um pouco maldoso com ele, eu não reclamo, porque o homem fica impossível. Layne morreu, Eddie fez 4/20/02. Faleceu uma moça da gravadora, foi lá e pimba! Light Years. Só para o Johnny Ramone ele escreveu duas das mais lindas: Man Of The Hour e Come Back. E tem Alive, sobre o pai.
O Layne, aliás, ganhou também Black Gives Way To Blue, dos coleguinhas de banda, e duas músicas com seu nome, uma do Staind, outra do Black Label Society
Outra galera que produz bem com perdas é o Red Hot Chili Peppers. No último disco tem Brendan Death Song. Seu primeiro guitarrista ganhou My Lovely Man, Knock Me Down e Dosed. Venice Queen é para uma amiga e Tranceding é sobre Kurt Cobain e River Phoenix, que foi homenageado no disco solo do Frusciante com Smile From The Streets You Hold
Kurt ainda é muso de The Last Song, do Foo Fighters
Chris Cornell se saiu com Say Hello 2 Heaven pro Andrew Wood e Wave Goodbye para Jeffinho Meu Amô Buckley.
O filhinho do Clapton caiu da janela, ele mandou Tears In Heaven.
Cliff Burton foi a inspiração para To Live Is To Die, do Metallica, que emendou essa em Just A Bullet Away, feita para o Layne [temos um preferido, é isso, produção?]
Dave Matthews, aquele bêbado desajeitado, nos deu Sister e Oh, que é sobre seu avô. Sério, sobre o avô. <3

Até gostaria de explicar como eu me sinto e como "produzo" quando a tristeza é minha, mas não tenho coragem depois de colocar tanta coisa linda e foda. Ouve aí, acho que dá pra captar. 


*A maioria dessas informações eu fui agregando durante a minha vida de devoradora de revistinhas e sites ~de rock~, quando era difícil o acesso e eu precisava reter a maior quantidade de conhecimento possível sobre as minhas bandas. Outras pipocaram aqui e ali e algumas eu confirmei no songfacts.com ou em entrevistas. 01 mol de bëygoz pro meu cérebro que só guarda cultura inútil. :*